segunda-feira, 20 de outubro de 2008

Feitos Malfeitos de Homens Direitos - A pressa é a inimiga da perfeição

Assim como o combinado, aqui vai o segundo episódio de Feitos Malfeitos de Homens Direitos, deste mês de Outubro/08, espero que se divirtam!

"A pressa é inimiga da perfeição"

Há uns quinze anos atrás, trabalhava em uma cidade de mais ou menos 150 km de minha casa. Na época era casado, tinha três filhos, mas só os via nos finais de semana, pois de segunda à sexta ficava num apartamento junto com minha irmã na cidade em que trabalhávamos.

Durante a semana, a empresa fornecia transporte próprio, portanto deixava o carro na garagem, mas na sexta-feira, para adiantar as coisas e chegar rápido em minha cidade, eu ía de carro.

Certa sexta-feira, daquelas em que o ponteiro menor do relógio numa chega no número 4, finalmente este momento chegou. Peguei minhas coisas e fui embora. Entrei no ônibus da empresa e fui direto para a minha cidade. Chegando na rodoviária de minha cidade, a triste lembrança: meu carro ficou no estacionamento da fábrica, e ficaria lá o final de semana todo. E o pior, tinha combinado uma viagem para Ubatuba com minha família, como viajaríamos sem carro? Como viajaríamos se meu carro está dormindo sob a névoa do pátio vazio da fábrica? Pois é, estava realmente perdido.

Como de costume, meus filhos me esperavam na garagem da casa, mas esta semana eles me esperaram na esquina, onde o ônibus me deixou...

2 comentários:

Andarilho disse...

Lição de vida, realmente. Pressa nunca ajudou ninguém a fazer nada direito.

Andarilho disse...

Você estava aguardando a postagem, pois vim avisar-lhe que está feita.

Abraços!